Procon-PB orienta consumidor que tem suco da marca Ades em casa

O secretário executivo do Procon da Paraíba, Marcos Santos, disse na manhã desta quarta-feira (20) que consumidores que ainda tenham sucos de soja da marca Ades em casa devem entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Consumidor (Sac) da Unilever, empresa responsável pelo suco, ou levem o produto, acompanhado da nota fiscal, até o estabelecimento onde comprou o produto. “O Código de Defesa do Consumidor é claro: o consumidor não pode colocar em risco a sua saúde. Nesses casos, o supermercado ou o estabelecimento comercial tem a obrigação de aceitar a devolução”, afirmou.Marcos Santos explicou ainda que o consumidor tem duas opções quando da devolução. “O consumidor deve receber o dinheiro de volta

ou pegar outros produtos pelo valor equivalente ao que gastou”, explicou. O secretário executivo do Procon estadual frisou ainda a necessidade para que a população não consuma esse tipo de produto. “É necessário que os consumidores paraibanos sigam a recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e não consumam nenhum suco da marca Ades. Os consumidores da Paraíba devem esperar o resultado da inspeção que a Anvisa deve fazer nesta quarta-feira (21) na fábrica da Unilever.

Na segunda-feira (18), uma mãe procurou a 9ª Delegacia Distrital, em Mangabeira, para fazer um boletim de ocorrência após o filho, de 7 anos, apresentar queimaduras na região labial após tomar um suco de uva da marca Ades. O delegado Magno Toledo disse que solicitou um exame ao Instituto de Medicina Legal da Paraíba para se descobrir se a queimadura apresentada pela criança tem relação com a ingestão do suco.
A criança, ainda de acordo com o delegado, não apresentava outros sintomas além da queimadura. “No entanto, pedi para que a mãe fizesse exames no Instituto de Medicina Legal, porque se queimou os lábios, e se essa queimadura foi causada pela ingestão do suco, certamente comprometeu outros órgãos da criança, como o esôfago, por exemplo”, acrescentou.
Apesar disso, através de nota, a Unilever, que tem respondido pela Ades sobre o assunto, comunicou que o problema de qualidade limita-se a 96 unidades de Ades sabor maçã, 1,5 litros, lote AGB25, produzidas na linha TBA3G na fábrica de Pouso Alegre e distribuídas nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná. A assessoria informou ainda que já tomou conhecimento do caso paraibano, mas que não há comprovação de que o suco de uva tenha causado problemas.
Primeiro dia de operação

O secretário executivo do Procon estadual disse que, no primeiro dia de operação para a retirada das prateleiras de sucos da marca Ades, foram recolhidos quase 600 litros de suco. “É um número que nós consideramos satisfatório. Com a divulgação da imprensa sobre a determinação da Anvisa para que fossem recolhidas todos os sabores, e não apenas o de maçã, muitos supermercados, os de rede, se anteciparam à nossa visita e recolheram o produto”, disse.

Marcos Santos informou ainda que a operação acontece também nesta quarta-feira. “Porém, vamos nesse segundo dia mudar o foco da nossa operação para garantirmos o bem -estar dos consumidores paraibanos”, declarou.

http://br.noticias.yahoo.com/justi%C3%A7a-determina-mcdonalds-deixe-funcion%C3%A1rios-levar-comida-casa-184700928–finance.html

Consumidoras encontram fungos em embalagem de sucos

Um gosto estranho levou duas consumidores – uma do Rio e outra de Manaus – a encontrarem fungos no fundo de embalagens de sucos. As duas histórias foram contadas no Facebook, causando indignação de muito usuários.

No Rio, o problema foi encontrado na bebida de soja AdeS Original. A história foi contada ontem à noite na rede social e já teve mais de mil compartilhamentos:

“Imediatamente abri a embalagem e me deparei com este fungo nojento. Liguei para o SAC da empresa que me disse, com naturalidade e como se nada tivesse acontecido, que isso pode ocorrer devido a um defeito na embalagem, mas que eles iriam buscar o mesmo e me enviariam um novo produto! Estou indignada!!!”, disse a jovem.No suco Laranja Caseira, outra consumidora encontrou fungos na embalagem Foto: Reprodução da internet 
Em Manaus, o fungo foi encontrado no suco Laranja Caseira, produzido pela Coca-Cola. Pelo Facebook, a jovem contou que, no mesmo dia em que comprou a bebida, dia 8 deste mês, abriu a embalagem. Ao beber, achou o gosto diferente, mas não se importou. No dia seguinte, porém, ao se servir do suco percebeu que ele estava com uma cor estranha e com pedaços escuros. Ela, então, decidiu abrir a caixa.

“Ao abrir a caixa encontrei esse fungo nojento. Por mais que não seja nocivo à saúde, não há um cidadão que vá comprar um suco esperando fungos no fundo da caixa”, escreveu, em sua página na rede social.

No Facebook, a imagem do suco de laranja com fungos foi compartilhada por 37.693 usuários, até o início da noite de hoje. E 40.682 pessoas curtiram a publicação.

Procurada, a Coca-Cola disse que “as embalagens deste tipo não podem sofrer impacto ou ficar expostas ao tempo e a temperaturas extremas. A foto publicada pela consumidora mostra ou indica formação de bolor, normalmente causada por perda de vedação da embalagem por impacto.”

Por e-mail, a Unilever, fabricante do AdeS, alegou que a bebida “é um alimento 100% natural e sem nenhum conservante, feito com os mais rígidos padrões de produção para preservar todas as propriedades da soja, garantindo que todos os produtos saiam da fábrica em perfeitas condições para consumo.

A embalagem do produto foi desenvolvida para garantir que o produto seja protegido contra luz, umidade e gases, mantendo as suas características físico-químicas, sensoriais e microbiológicas. Porém, por tratar-se de um produto sem conservantes, tem maior vulnerabilidade caso haja algum tipo de dano em sua conservação”.

A Unilever ainda deu dicas de conservação do produto:

– Sempre verifique a data de validade

– Confira se a embalagem está com a tampa intacta

– Evite embalagens amassadas e rasgadas

– Armazene seu AdeS em local seco e arejado

– Após aberto, guarde seu AdeS na geladeira e consuma em até três dias

http://www.endividado.com.br/noticia_ler-35361,consumidoras-encontram-fungos-em-embalagem-sucos.html

Unilever recolhe AdeS de maçã contaminado com produto de limpeza

Unilever recolhe AdeS de maçã contaminado com produto de limpeza
SÃO PAULO – Um lote de AdeS deverá ser recolhido por estar impróprio para consumo pois contém produto de limpeza e pode causar queimaduras em caso de ingestão. As embalagens de AdeS Maçã foram distribuídas nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná.
Uma falha no processo de higienização causou o envase da bebida junto com solução para limpeza. De acordo com a Unilever, o problema na área de fabricação já foi detectado e resolvido.
Parte dos produtos foi recolhido ainda na fábrica e o restante será removido dos pontos de venda. Consumidores que já compraram bebida devem entrar em contato com a empresa através do SAC pelo número 0800 707 0044, das 8h às 20h, ou por sac at ades.com.br.
A Unilever do Brasil publicou um comunicado nesta quinta-feira, 14, para informar sobre recall da bebida sabor maçã na embalagem de 1,5 litro (lote

AGB 25, fabricado em 23/02/2013 e válido até 22/12/2013).

Veja na íntegra o comunicado da Unilever Brasil:
“A Unilever Brasil, fabricante do produto AdeS, informa que detectou um problema de qualidade em cerca de 96 unidades do produto AdeS Maçã 1,5l – lote com as iniciais AGB 25, fabricado em 25/02/2013, com validade até 22/12/2013 – que estão inapropriadas para consumo.
Os produtos do lote acima mencionado foram distribuídos nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná.
Nessas unidades, foi identificada uma alteração no seu conteúdo decorrente de uma falha no processo de higienização, que resultou no envase de embalagens com solução de limpeza. O consumo do produto nessas condições pode causar queimadura.
A falha identificada já foi solucionada, os produtos existentes na empresa foram retidos e os ainda presentes nos pontos de venda já estão sendo recolhidos.
A empresa solicita que os consumidores verifiquem o produto já adquirido e, caso se trate do lote mencionado, não o consumam e entrem em contato gratuitamente pelo SAC no 0800 707 0044, das 8h às 20h, ou sac@ades.com.br.
Os produtos AdeS não correspondentes a esse lote encontram-se em perfeitas condições para consumo.
O processo que envolve este recall não apresentará qualquer custo ao consumidor.
A Unilever reforça seu compromisso com o consumidor e os rigorosos controles de qualidade.
Unilever Brasil”

http://estadao.br.msn.com/ultimas-noticias/unilever-recolhe-ades-de-ma%C3%A7%C3%A3-contaminado-com-produto-de-limpeza